terça-feira, 30 de junho de 2009

Sabe?

Sabe qual é o nosso problema?
Nos comparamos.

A menina com anorexia só tem essa moléstia na vida dela, porque se comparou com alguém mais magro. Que é o 'padrao de beleza'.
O pai do Michael só dizia que o nariz dele era feio, porque o comparava com o seu nariz.
E a gente atropela sentimentos que podem ser verdadeiros por achar que eles se manifestarão iguais, em todos os seres vivos.

Só que SENTIMENTO é SENTIR.
E o meu sentir, não é o seu.
Ele é particular. Peculiar.

Então, porque basear-se no que os outros já sentiram, já escreveram, já viveram, pra poder entender como eu devo me sentir quando gosto de alguém?
Por que eu tenho que me sentir igual?
Por que a certeza, não pode ser do meu jeito. Como eu tenho ela aqui agora.
Do meu jeito.
Não do de Shakespeare, nem dos poemas de amor que são jogados em sites na Rede e você encontra quando joga 'poemas de amor' no Google.

Não.

A certeza tem que vir de você, do que você acredita, de como você vê. Do que você sente.
Mas, take it easy dude! Não meta os pés pelas mãos. Tenha convicção.
Aceite-se.
Todos temos limitações. E confesso que talvez eu tenha me assustado tanto por ver o tamanho das minhas. Elas são enormes, como um iceberg. E é como se eu fosse a Rose (ou o Jack xD). Eu só via a pontinha dele.
Percebi que precisava parar o meu transatlântico enquanto era tempo. E saber que manobra fazer pra dar um jeito de contornar o danado do iceberg.

Eu ando percebendo que talvez, esse seja só meu jeito.
De ter alguém pra mim.
Como pode ser também meu jeito de dizer 'não. Agora não'.

Tô afim de descobrir. Alias, eu preciso dude!
Mas sabe... Hoje eu tô mais sussa.
E parece que estou me achando no meu mundo que anda tão complicado.
Parece.





e ó... amar nem é ter que ter sempre certeza champz (y)

5 comentários:

Miнн ̽ disse...

Sabe, apesar de seus textos estarem falando de seus sentimentos no momento, que aliás são bem confusos! Não, nem tô falando por mal, é que na verdade vc diz muito do que sinto e isso na real me ajuda, sakas?!
Você tem um dom poderoso no ato de escrever, inspirador até! :D

Melhoras no seu mundo complicado!
:*

. disse...

E de alguma maneira eu cheguei aqui também x)

em primeiro lugar, valeu por ter 'chegado ao blog de alguma forma' hahaha, e valeu pelo apoio, sobre o curso e tal.

quem sabe a gente pode trocar uma idéia depois: dicas de veterana pra um bixo =D

beeejo

. disse...

trato fechado!
eu ja ia aparecer aqui de alguma forma, pq gostei do que li ;)

Letícia Santos disse...

putaquepariu!

Que texto perfeito jak;

A gente fica se comparando tanto que acaba que entrando num verdadeira confusão.

É melhor seguir a sua maneira de sentir.

teamo girl♥

Miнн ̽ disse...

De nada garotaa! :D
E, sérião, mil vezes escrever do que falar tbm heiin (y'


Eu adoro OTH, o problema é: nunca assisti completo (até onde tá néé):\
Sempre qndo eu começo a assistir para de passar na tv --'
Por isso eu assisti tudo meio picado xD
Mas algum dia tomo coragem e baixo tudo xP

:*