terça-feira, 29 de setembro de 2009

Mãe, te amo ♥

Falar de mãe é sempre clichê.
E eu não sou nenhum gênio pra não fazer diferente.
Todo mundo (quase na verdade, mas, até hoje não conheci ninguém com mãe desnaturada de fato) tem no orkut aquela comunidade "A melhor mãe do mundo é a minha", ou "Eu amo minha mãe".
De fato, elas são as melhores. São presentes de Deus. São nosso guia.
Acredito que Deus nos deu mães pra nos proteger enquanto não os conhecemos, afinal quando nós somos muito pequenos não temos tanta conciência de Deus. A gente pede socorro é pra mãe. E mesmo depois de conhecê-lo é nelas que nosso maior porto seguro esta. E com isso eu não quero dizer que sua mãe é sua melhor amiga. Tem muita gente que tem uma relação super direta e simples com suas mães. Não contam seus maiores segredos nem nada do tipo. Mas, a gente SEMPRE sabe que elas estarão lá, aconteça o que acontecer, não importa o que façamos; é disso que eu tô falando!
E eu não poderia deixar essa data passar sem falar da minha.
Hoje a Dona Ivonete faz 42 anos de vida. E que vida! Nossas mães são nossos exemplos na maioria das vezes, mas eu costumo dizer que minha mãe é exemplo pra qualquer um. Sem dúvida, antes de reclamar de alguma coisa além de agardecer a Deus pela graça de estar viva eu olho pra algum comodo daqui de casa e vejo minha mãe lá. E isso me dá forças.

Talvez você não entenda a intensidade dessa força. Pelo menos até agora.
Eu poderia estar lembrando essa data com lagrimas nos olhos. De saudade.
Há uns 10 anos atrás minha mãe descobriu ser portadora de Leucemia. Foi uma barra.
Eu era nova, não tinha noção do tamanho da dificuldade que batia a porta daqui de casa, e por ser nova a família decidiu me preservar de certas verdades. Pra mim parecia tudo bem. Só fui saber depois de anos que ela havia passado por uma UTI, que havia sido desenganada pelos médicos, que havia sofrido, muito. Ela enfrentou a incerteza de uma doença que não costuma ser piedosa com suas vítimas, enfrentou a tristeza (pelo menos para uma mulher casa e linda como ela é) de ter seus cabelos raspados, sua saúde atingida pelo resto dos seus dias. Ela superou tudo isso.
Como ninguém conseguiria.
Viu amigos de tratamento irem embora, viu recaídas, internações de meses, reencontrou irmãos, descobriu um doador entre eles, fez transplante, curou-se. E eu sei, que metade dessa cura veio da força que ela tem. Eu sei.

Há três anos ela descobriu ser traída, viu sua família, a coisa mais importante da vida dela desabar. Sofreu, muito.
Eu sei disso porque era nos meus braços que ela chorava há alguns meses atrás. Mas, ela foi forte o suficiente pra se colocar de pé, e sustentar nossa casa sozinha.

Eu devo muito a ela. Tenho um orgulho tremendo da minha mãe.
Eu costumo dizer pra Deus que tudo que eu dizer aqui eu quero que agrade a Ele, depois a minha mãe.
Meu maior desejo é fazê-la orgulhosa da filha que ela criou... Que ela educou
.
É sem dúvida, a pessoa que eu mais amo nesse mundo.

É minha amiga, minha roommate KK, é minha mãe na fé, minha intercessora; É minha mãe.

Eu sei que não sou perfeita, odeio fazer trabalhos domésticos e ela reclama disso pra Deus todo santo dia HAHAUH', mas eu a amo. Com todas as minhas forças.

O maior presente que eu posso dar a ela é procurar viver o resto dos meus dias debaixo do caráter que Deus e ela ajudaram a forjar. É respeita-la independente da minha idade. Que se preciso, ela me dê palmadas aos 40! É honrá-la como mulher de Deus.


Mãe, o presente nesse dia é todo meu, porque eu tenho você ao meu lado.

Só nós duas sabemos o que passamos aqui em casa, e o Senhor tem nos sustentado né?

Que Ele te ilumine, te dê saúde, alegria... E me dê a alegria de tê-la comigo o máximo que puder.

EU TE AMO
FELIZ ANIVERSÁRIO DONA NETEE!


Essa é a UNICA foto que eu tenho da minha mãe acredita? ToT

:*

2 comentários:

Camila Ribeiro disse...

Nossa, que lindo isso!!! Queria poder dizer o mesmo da minha. Mas tudo bem, um dia quem sabe ela num toma jeito. Parabens pra sua mãe, pelo aniversario e pela força de vontade.

Marina Maciel disse...

Lindo post, linda história. Tocou o meu coraçãozinho (principalmente com essa seleção musical linda).

Feliz niver para sua mammys! (fiquei abismada - ela é a sua cara! [ou seria o contrário?])

Beijinho, dona Jak**